o som do mundo
é transformado em cascata
quando o silêncio
recai sobre os corpos
e todas as batidas do coração
causam no interior do mundo
um balanço
é o silêncio que faz ouvir
ouvir o simples
sentir que a banalidade 
está inscrita no DNA

é a estrutura
que desestrutura
tudo em volta

--

--

--

em um estado de perplexidade permanente com aquilo que chamam de amor

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Ana Graziely

Ana Graziely

em um estado de perplexidade permanente com aquilo que chamam de amor

More from Medium

A view on a Hyper Island journey from anxious eyes

Yes, We Can Still Save the Schulte!

The Manicurist | Agnes Zlatkova

Chicago Mothman Exposed and Debunked