o fogo transforma tudo o que toca

a chuva não cai
a água quando chega já não consegue mais revitalizar o que já se foi
ao final resta memória

que o tempo
(com certa urgência inexplicável)
leva embora

--

--

--

em um estado de perplexidade permanente com aquilo que chamam de amor

Love podcasts or audiobooks? Learn on the go with our new app.

Get the Medium app

A button that says 'Download on the App Store', and if clicked it will lead you to the iOS App store
A button that says 'Get it on, Google Play', and if clicked it will lead you to the Google Play store
Ana Graziely

Ana Graziely

em um estado de perplexidade permanente com aquilo que chamam de amor

More from Medium

A trek to remember in Ethiopia

Two boys at the summit of mount Ras Dashen in Noerthern Ethioia

Elon Musk is making me sad

How to Write a Valentine That Woos and Wows Your Honey (in 6 Minutes or Less!)

Yes, We Can Still Save the Schulte!